#Notícias Unitoledo
 
 

Acadêmico de Fisioterapia do UniToledo conquista prêmio em apresentação de trabalho científico na 11ª edição do Congresso Internacional de Fisioterapia na cidade de Salvador – Ba

Mariana Páscua

De 19 a 22 de Setembro de 2019 ocorreu a 11ª edição do Congresso Internacional de Fisioterapia na cidade de Salvador – BA. O Docente do UniToledo, Fábio Yoshikazu Kodama, esteve presente junto ao aluno do 10° semestre do curso de Fisioterapia, João Pedro Avanço Fortin o qual realizou a apresentação de dois trabalhos científicos no evento.

CONHECIMENTO

De acordo com o docente, o congresso promoveu conhecimentos por meio de palestras, mesas redondas, workshops, simpósios ministrados por palestrantes nacionais e internacionais e apresentações de trabalhos científicos de todo o país. O evento contou também com uma feira internacional com vários expositores de todos os segmentos e especialidades da Fisioterapia.

CONQUISTA

O acadêmico João Pedro Avanço Fortin, 10º semestre, comenta que já participou de outros eventos científicos por ser membro do grupo de estudos GEFETO (Grupo de Estudos em Fisioterapia Esportiva e Traumato-Ortopédica), idealizado pelo Prof. Kodama. No entanto, essa foi sua primeira vez no Congresso Internacional de Fisioterapia.

O aluno comemora a conquista: A premiação de 5º melhor trabalho científico do Congresso, concorrendo entre aproximadamente 1.500 projetos.

“Neste evento, por meio da orientação do Prof. Me. Guilherme Ozaki e Prof. Me. Fábio Kodama, tive a grande oportunidade de apresentar dois trabalhos vinculados, onde um recebeu a premiação de 5° melhor trabalho científico do Congresso Internacional de Fisioterapia, que concorreu com outros1.500 trabalhos desenvolvidos em todo o país.”

O universitário comenta que o trabalho premiado foi realizado em parceria com a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), sob orientação do Prof. Dr. William Dias Belangero, e supervisão dos Prof. Me. Fábio Kodama e Prof. Me. Guilherme Ozaki.

EXPERIÊNCIA

De acordo com Kodama, por meio do desenvolvimento de pesquisas, apresentação em eventos científicos e publicação dos resultados há a contribuição para o desenvolvimento da saúde e de profissionais capacitados por permitir a visão crítica e científica sobre as técnicas de avaliação e tratamento para as mais diversas patologias que acometem as pessoas.

“É enriquecedor participar de eventos dessa grandeza, a experiência conquistada é imensurável e sempre abre novos caminhos para que eu possa aprimorar meus conhecimentos”, afirma o acadêmico João Pedro Avanço Fortin.

Edição: André Ferreira